UniGuairacá faz colação de grau especial devido pandemia

Nessa sexta (28), a UniGuairacá promoveu a cerimônia de colação de grau da primeira turma do curso de Odontologia

UniGuairacá faz colação de grau especial devido pandemia (Foto: UniGuairacá)

A primeira turma do curso de Odontologia da UniGuairacá se formou na noite dessa sexta (28) em Guarapuava. Entretanto, a colação de grau seguiu os protocolos de segurança recomendados devido ao momento de pandemia. Conforme pronunciamento do Reitor, Prof. Ms. Juarez Matias Soares, a sessão solene marcou uma data significativa na história dos 15 anos da instituição.

“Foram mais de 10 anos de trabalho. Desde o planejamento, escrita do projeto e implantação de toda estrutura voltada para a área”. Assim, Soares destacou o momento como a materialização de um sonho. Durante a fala, o Reitor enalteceu a dedicação dos precursores.

(Foto: UniGuairacá)

De acordo com o coordenador do curso, professor João Agadir Pinto Junior, os formandos espelham a vitória do corpo docente. Conforme o professor, em poucos anos a Odontologia da UniGuairacá se tornou referência em qualidade.

“Esse é o resultado de muitos anos de preparo. Eu, como coordenador, sinto que me preparei a vida inteira para estar aqui nesse momento. E assim, ver cirurgiões-dentistas muito bem formados e preparados, entrando no mercado de trabalho”.

Durante a cerimônia, a formanda Kamyla Weiber Moreira foi homenageada. Ela apresentou o melhor desempenho acadêmico ao longo do curso. Por isso, recebeu uma bolsa de estudos integral aperfeiçoamento em endodontia.

“A sensação é de muita alegria porque eu não esperava isso. Me sinto feliz e totalmente realizada por receber o diploma e com mérito. Eu amo a odontologia”.

(Foto: UniGuairacá)

FORMANDOS 1º SEMESTRE DE 2020

A instituição promoveu nessa quinta (27), a cerimônia de colação de grau dos formandos do primeiro semestre de 2020. Mas devido à pandemia, a celebração sofreu adaptações. Assim, para evitar aglomeração, as turmas foram divididas em dois grupos.

Além da beca e capelo, todos usaram máscaras e álcool gel para entrar no local. Conforme a UniGuairacá, a estrutura foi dimensionada, com fitas de isolamento que indicaram os caminhos de passagem.

Por fim, cada rito durou cerca de 20 minutos. Logo após o término, uma equipe de limpeza higienizou os pontos de contato.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

NOVA CHANCE

Estudantes podem pedir reaplicação do Enem 2020

DESTAQUE NACIONAL

Professora da Unicentro recebe prêmio de excelência por pesquisa

INFRAESTRUTURA

Estado investirá R$ 450 milhões em infraestrutura escolar

Comentários