Vereadores ‘congelam’ subsídios para a próxima legislatura

Na votação desta segunda (19), 13 dos 21 vereadores, compareceram à sessão, que agora é presencial, em Guarapuava

Vereadores ‘congelam’ subsídios para a próxima legislatura em Guarapuava (Foto: arquivo/RSN)

Os vereadores eleitos para a próxima legislatura em Guarapuava já contam com a garantia mensal de R$ 9.252,72. Conforme a unanimidade de 13 dos 21 vereadores, presentes na sessão desta segunda (19), o subsídio, porém, fica ‘congelado’. Entretanto, o novo presidente da Mesa Executiva, ganha 100% sobre esse valor.

De acordo com a justificativa da Comissão de Economia, Finanças e Orçamentos, autora do Projeto de Lei 60/2020, a fixação se deve à crise provocada pela pandemia. Entretanto, esse valor poderá sofrer alteração, conforme revisão geral concedida aos servidores do município.

Todavia, com apenas duas matérias na Ordem do Dia, votaram favoráveis os vereadores: Maria José, ‘Dedo’, Terezinha Daiprai, Danilo Dominico. Além do Jabur do Motocross, Marcio Carneiro, Celso Costa. E ainda o professor Serjão, Negão Calixtro, João do Napoleão, Elcio Melhem, Rodrigo Crema e Vardinho. Os demais vereadores faltaram à sessão.

HOMENAGEM

Por fim, o outro projeto de lei imortaliza o nome do professor Sebastião Quadros (já falecido). Assim, a Escola Santa Cruz passa a ter o nome do professor.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

RECONHECIMENTO

Campo Real recebe nota máxima do Ministério da Educação

AJUDE ALGUÉM!

Pandemia reflete ativamente na saúde mental da população

QUASE NO DIA

Julgamento de Luis Felipe Manvailer é adiado

Comentários