“A indicação política prevaleceu”, diz Kelly ao sair do Núcleo Regional em Guarapuava

Chefia do Núcleo Regional de Ensino volta para a professora Edil Spínola

Sede do NRE Guarapuava (Foto: Ester Campos)

Após quatro meses de exoneração na chefia do Núcleo Regional de Ensino (NRE), a professora Edil Spínola reassume o posto nesta sexta (28) em Guarapuava. Entretanto, para que isso acontecesse o decreto de nomeação foi assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Júnior na terça (25).

Esta será a segunda vez que a professora assume o cargo. Durante o primeiro trimestre deste ano Edil respondeu interinamente pela função. Porém, a intenção do governador era que todas as chefias regionais fossem ocupadas por técnicos. Cada  secretaria faria a sua seleção em teste com inscrições abertas a quem se sentisse apto a participar.

A professora Kelly Rosa Walendorff Okonoski foi a primeira colocada no processo aberto pela Educação, ficando à frente de Edil. Por isso, a professora assumiu o NRE em março e nesta sexta (28) se despede do Núcleo, e volta para a direção do Colégio Elenir Linke, em Cantagalo.

Em contato com o Portal RSN, Kelly disse que sai como entrou: de “cabeça erguida”. Ela atribui a sua substituição à forças políticas.

A indicação política prevaleceu

A professora lembrou que foi a primeira colocada no teste de aptidão técnica e que exerceu a função com dignidade e competência. “Fiz tudo o que pude pelos colégios do Núcleo, de maneira justa. Agora volto para a minha escola”.

O Portal RSN também entrou em contato com Edil, mas ela preferiu falar somente depois que reassumir o Núcleo.

(Imagem: Divulgação)

NÃO DEU CERTO

A Secretaria de Estado da Educação foi a única da base do governo a aplicar os testes de aptidão técnica para as chefias regionais. Porém, a julgar pelas demais chefias regionais o modelo não deu certo.

Em governos anteriores, de forma já tradicional, as indicações partiam de deputados, numa espécie de loteamento dos cargos públicos. Entretanto, em Guarapuava todas as chefias regionais já estão preenchidas e sem que houvesse o teste.

Relacionadas

MELHORIA NO ATENDIMENTO

Para vender mais é preciso ter atitude, diz palestrante

NOVA 'EXPLOSÃO'

'Explosão da covid-19': Guarapuava confirma 110 casos e a 30ª morte

DOENÇA PERIGOSA

Sesa registra três mortes de macacos por febre amarela

Comentários