Colégio Aliança recebe o Selo Escola Legal

Mérito é concedido às instituições particulares que possuem documentação em ordem

(Foto: Sandra Hyczy)

O Colégio Aliança de Guarapuava está certificado com o Selo Escola Legal, concedido pelo Sindicato das escolas Particulares (Sinepe). A entrega, que aconteceu na noite dessa quarta feira (14), no Teatro Municipal de Guarapuava, reuniu representantes de 20 instituições de ensino, de Guarapuava e municípios da região, que também são merecedoras do selo.

De acordo com a presidente do Sinepe/PR, Esther Cristina Pereira, o “Escola legal”, em sua nona edição, destaca as escolas que estão em situação regular com as secretarias estadual e municipal de Educação, com CNPJ, alvará e resolução de funcionamento. “O selo, portanto, serve para orientar pais, mães e a sociedade em geral na busca de instituições de ensino regularizadas perante os órgãos oficiais”.

(Foto: Sandra Hyczy)

Fundado em 1991, com turmas de Educação Infantil, o Aliança cresceu, se desenvolveu e hoje atende todos os níveis de ensino, do berçário ao pré-vestibular.

Os fundadores, Eloína de Oliveira Simão, Juarez Simão, seus filhos e genros, Juelina Simão Marcondes, Amilton Marcondes Junior, Jussiana  Simão de Almeida e Daniel de Almeida, agora contam com a segunda geração, que dá continuidade ao trabalho iniciado há 27 anos.

A Instituição merecedora do Selo Legal, sempre foi pioneira em inovações e tecnologia, buscando sempre oferecer aos seus alunos um ensino de excelência e pautado em valores orais.

O Selo foi recebido pelas diretoras Juelina, Jussiana e Eloina.

O vice-prefeito e secretário de Turismo e de Obras, Itacir Vezzaro, e a secretária de Educação e Cultura, Doraci Senger Luy, participaram da entrega. “Muito importante esse selo para as instituições de ensino e, principalmente, para a comunidade que fica sabendo sobre a situação da escola em que seu filho estuda. Parabenizo o Sinepe pela iniciativa e também os diretores das escolas por levarem seu trabalho com responsabilidade e comprometimento”, disse Itacir Vezzaro.

Para a secretária Doraci Senger Luy, o Selo Escola Legal mostra que essas escolas estão dentro da legalidade, impessoalidade, moralidade, transparência e eficiência. “Nós, da área da educação, trabalhamos com ética e queremos formar cidadãos que sejam responsáveis e corretos no que fazem, então mais do que ninguém as escolas tem que estar cumprindo a legislação”.

Relacionadas

NOVO BOLETIM

Guarapuava registra seis novos casos de covid-19 em 24h

NOVO PERÍODO

Paraná registra 1ª morte por dengue durante os últimos quinze dias

UTILIDADE PÚBLICA

Obras vão interditar a BR-277 no acesso para Guarapuava nesta quarta (23)

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com