Em Guarapuava, 46% da população segue determinação de isolamento

No último dia de março o índice era de 48%. A média estadual de isolamento é de 57,7%, número inferior aos dados nacionais

A média nacional de isolamento é de 58,3% (Foto: Divulgação/Universidade Johns Hopkins)

Em Guarapuava houve queda na incidência de isolamento social. Conforme os dados levantados pela empresa In loco, na terça (31), 48% guarapuavanos seguiam a determinação de isolamento. O estudo foi aplicado novamente na quarta (1) e o número reduziu para 46%.

O levantamento feito pela In Loco faz as análises baseadas na localização de cerca de 60 milhões de smartphones em todo o país. O índice de isolamento paranaense de 57,7%, é inferior à média nacional registrada: 58,3%.

A assessoria de imprensa da In Loco informou que a empresa respeita as políticas de privacidade e só tem acesso à localização das pessoas que autorizaram repassar informações de localização nos seus celulares. Além disso, a assessoria afirmou que não tem acesso as informações pessoais dos usuários.

Esses dados podem servir ao poder público para direcionar os recursos para regiões onde as recomendações não estão sendo cumpridas ou onde a contaminação pelo coronavírus se espalha mais rapidamente.

NO PARANÁ

Com 258 casos de Covid-19 confirmados, quatro óbitos e outros 638 casos em investigação, apenas 57,7% dos paranaenses estão cumprindo as determinações de isolamento social. Conforme a Secretaria Estadual de Saúde, 3.848 casos já foram descartados no Paraná.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), o índice não é satisfatório. “Percebemos muitas pessoas voltando ao trabalho, circulando nas ruas. Seria o ideal que elas permanecessem em casa”.

CORONAVÍRUS

O último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Paraná, divulgado nessa quinta (2), informou que na 5ª Regional de Saúde, apenas Guarapuava tinha caso confirmado.

Já o número de casos suspeitos do novo coronavírus subiu para 126 em Guarapuava. O paciente que atestou positivo para a doença, trata-se de um paciente de 57 anos internado desde o dia 20 de março na UTI do Hospital São Vicente.

Assim, o secretário de Saúde de Guarapuava, Celso Goes, afirmou que desde o início desta semana, os pacientes com sintomas gripais passaram a ser registrados como casos suspeitos. Guarapuava segue com 3 casos em investigação e 85 descartados.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

TURISMO RELIGIOSO

Caminho da fé: estações da Via Sacra estão em fase final de construção

SONHO REALIZADO

Governo regulamenta terras de pequenos produtores em Candói

SOLIDARIEDADE

Cantor católico faz live beneficente no sábado (18) em Guarapuava

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com