Empresários se unem para defender o uso de máscaras em Guarapuava

Empresários estarão distribuindo máscaras, nesta quarta (15), das 11h às 12h, em frente ao Santander em Guarapuava como forma de conscientizar a população

Empresários se unem para defender o uso de máscaras em Guarapuava (Foto: Anderson Zacalusni)

Um movimento de conscientização sobre a importância do uso de máscaras levará empresários ao Calçadão da rua XV de Novembro. Será nesta quarta (15), das 11h às 12h, em frente a agência do banco Santander.

Entretanto, a participação será representativa e limitada a 10 pessoas, para evitar aglomeração. De acordo com a Associação Comercial e Empresarial de Guarapuava (Acig), o grupo distribuirá máscaras de tecido de graça para as pessoas que precisam.

De acordo com o empresário Emerson Theodorovic, paralelamente, com um carro de som, a organização alertará comerciantes, colaboradores e clientes sobre a importância de seguir as medidas de prevenção.

“A classe empresarial precisa se unir nesse momento, e mostrar que está atenta aos decretos publicados pela Prefeitura Municipal. É nosso papel contribuir com a conscientização dos empresários, colaboradores e consumidores de que as medidas de prevenção são fundamentais para que possamos garantir a saúde dos guarapuavanos. Quanto mais nos empenharmos nessa luta contra a Covid-19, mais rápido voltaremos à normalidade das atividades”.

MEDIDAS DE PREVENÇÃO

De acordo com decreto municipal, desde o último dia 8 de abril, o uso de máscaras passou a ser obrigatório em Guarapuava nas seguintes situações:

  • Embarque no transporte público coletivo e acesso ao terminal;
  • Uso de táxi ou transporte compartilhado de passageiros;
  • Acesso aos estabelecimentos considerados como essenciais (supermercados, mercados, farmácias, entre outros);
  • Para acesso aos estabelecimentos comerciais;
  • Desempenho das atividades em repartições públicas e privadas.

MEDIDAS EXIGIDAS

  • Fornecer máscaras e álcool em gel ou álcool 70% para todos os funcionários;
  • Disponibilizar álcool em gel ou álcool 70% para todos os clientes ao acessarem as lojas e os guichês/caixas;
  • Controlar a lotação;
  • Manter a higienização interna e externa dos estabelecimentos com limpeza permanente;
  • Adotar, sempre que possível, práticas de vendas por agendamento e/ou aplicativos para entregas a domicílio (delivery).

Por fim, para ler todas as medidas obrigatórias, acesse o Decreto na íntegra no link.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

UTILIDADE PÚBLICA

Energisa divulga desligamento programado para Guarapuava

DIA MUNDIAL SEM TABACO

Neste 31 de maio, Saúde alerta para riscos da Covid-19 em fumantes

OPORTUNIDADE

Abertas as inscrições para bolsas de Inclusão Social na Unicentro

Comentários