Energisa Sul-Sudeste investe na melhoria do fornecimento de energia, em Guarapuava

Troca de cabos beneficiará clientes do Jardim das Américas e Vila Bela 

Empresa realiza a instalação de equipamentos religadores de linha, troca de cabos e a construção de um novo circuito elétrico

Colaboradores em manutenção (Foto: Divulgação)

Obras que vem sendo executadas pela Energia Sul-Sudeste, em Guarapuava, visam a melhoria da qualidade do fornecimento de energia elétrica para os clientes da distribuidora no município. Para tornar ainda mais confiável seu sistema elétrico, a empresa investe mais de R$ 925 mil na instalação de religadores de linha, na troca de cerca cinco quilômetros de cabos e na construção de um novo circuito elétrico. As obras serão finalizadas até o mês de dezembro.

De acordo com Luiz Moreto Vicentin Júnior, gerente de Construção e Manutenção da empresa, os religadores são equipamentos importantes que atuam automaticamente na rede quando há interferências por curtos-circuitos instantâneos provocados por raios, galhos de árvores e outros objetos que tocam na rede.

“Paralelamente, também estamos trocando os cabos elétricos convencionais por outros novos que também protegem as redes dessas possíveis ocorrências. Já o novo circuito elétrico, que trata-se de um novo trecho de rede com cerca de 2 quilômetros de extensão, beneficiará os clientes dos bairros Jardim das Américas e Vila Bela. Os clientes dessas localidades receberão energia com muito mais qualidade”.

Moreto também enfatiza outras importantes iniciativas da companhia.

“Como uma ação preventiva, realizamos periodicamente podas preventivas de galhos de árvores próximas às redes. Toda a operação é feita seguindo as normas ambientais dos municípios, contribuindo para que as ocorrências diminuam durante os períodos mais chuvosos”.

PLANO NACIONAL DE INVESTIMENTO

Conforme previsto em seu Plano de Investimentos, em 2018, a Energisa Sul-Sudeste investirá R$ 126,3 milhões em melhorias no seu sistema elétrico, que atende 763 mil clientes em 82 municípios que fazem parte da sua área de concessão nos estados de Minas Gerais, Paraná e São Paulo.

Dentre os principais investimentos previstos para serem iniciados em 2018, está a construção de cinco novas subestações – que beneficiarão os municípios de Extrema (MG), Presidente Prudente (SP), Guarapuava (PR), Vargem (SP), Nova Aliança (SP), Mendonça (SP), Adolfo (SP), Sales (SP), Irapuã (SP), Elisiário (SP), Marapoama (SP), Novo Horizonte (SP), e duas novas linhas de transmissão de energia, que atenderão os municípios de Osvaldo Cruz (SP), Inúbia Paulista (SP), Parapuã (SP), Sagres (SP), Salmourão (SP), Bastos (SP), Arco-Íris (SP), Iacri (SP), Tupã (SP), Extrema (MG), Toledo (MG), Munhoz (MG), Vargem (SP), Itapeva (MG), Camanducaia (MG).

Segundo a Energisa, estas obras beneficiarão diretamente 40% dos clientes da empresa e proporcionarão maior qualidade e disponibilidade de energia.

Relacionadas

IRREGULARIDADE

Cautelar do TCE-PR determina que Irati melhore transparência de licitações

FEZINHA

Mega Sena pode pagar R$ 2,5 milhões

PIONEIRO

Paraná regulamenta biosseguridade em granjas de suínos

Comentários