Escolas estaduais preparam segunda entrega de alimentos da merenda

As escolas têm autonomia para organizar de que forma será feita a retirada dos kits, com a orientação de que sejam tomadas todas as medidas de cuidados

É a segunda entrega. A primeira foi em março (Foto: AENPr)

As escolas estaduais do Paraná estão se organizando para mais uma entrega dos kits com alimentos da merenda escolar, marcada para esta quinta (9). Eles serão destinados a estudantes beneficiários da Bolsa Família.

De acordo com a Agência Estadual de Notícias, atualmente, são cerca de 230 mil alunos com famílias inscritas no programa no Estado. Além disso, a ação será válida enquanto perdurar a crise do coronavírus.

As escolas têm autonomia para organizar de que forma será feita a retirada dos kits, com a orientação de que sejam tomadas todas as medidas de cuidados, a fim de impedir o contágio da doença, como evitar aglomerações. Além disso, também é recomendado o uso de equipamentos de proteção, como máscaras, luvas e álcool gel por parte dos servidores e voluntários que trabalham na iniciativa.

ACESSO FACILITADO

A entrega dos kits da merenda foi regulamentada pelo Decreto 4.316/2020, assinado pelo governador Ratinho Junior, dia 21 de março. Assim, com a decisão, o governador buscou garantir que os estudantes e suas famílias tenham acesso facilitado aos alimentos durante o período de suspensão de aulas presenciais devido à pandemia da Covid-19.

Os kits devem ser retirados na escola onde o jovem está matriculado e variam de escola para a escola, pois os alimentos de maior aceitação por parte de estudantes de uma instituição podem não ser os mesmos de outra.

O secretário de Estado da Educação e do Esporte, Renato Feder, acredita que a ação ajuda os estudantes da rede estadual e suas famílias a enfrentarem de forma melhor esse momento pelo qual o Brasil passa.

“Sabemos que esses alimentos fazem a diferença para as famílias de muitos estudantes. É um apoio que a Secretaria da Educação está dando para que nossos alunos possam passar por esse período da pandemia do coronavírus de forma mais tranquila”, disse Feder, destacando a iniciativa de todos os servidores e voluntários que estão trabalhando nessa ação.

AULAS A DISTÂNCIA

No dia 20 de março, as aulas presenciais nas escolas estaduais do Paraná foram suspensas, sendo que os colégios só serão reabertos quando a situação for considerada segura pelas autoridades sanitárias. A Secretaria da Educação e do Esporte está trabalhando na implantação das aulas em formato EaD para os estudantes.

Desde segunda (6), os alunos podem acompanhar aulas em canais vinculados à RIC, afiliada da rede Record no Paraná, e no YouTube. Nos próximos dias, a Secretaria  também deve liberar a funcionalidade no aplicativo Aula Paraná, onde os estudantes poderão conversar com colegas e professores em uma espécie de “sala de aula virtual”. O dispositivo está em fase de finalização e não vai consumir dados dos estudantes.

A solução foi a alternativa encontrada para que os cerca de 1 milhão de estudantes da rede estadual não tenham seu processo de ensino e aprendizagem prejudicado por conta da crise do coronavírus. A proposta EaD da Secretaria da Educação obteve ampla aprovação pelo Conselho Estadual de Educação (CEE).

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

RESPONSABILIDADE

Prazo para alistamento militar on-line é até o dia 30 de junho

ADIADO

Inscrições do Enem são adiadas até dia 27 de maio

INCLUSÃO

'Máscaras pela Vida' já entregaram 13 mil máscaras em Guarapuava

Comentários