Estado recebe área da União para a Base Náutica de Guaratuba

Governo precisava da autorização para poder utilizar o espaço. Projeto faz parte da estratégia para o desenvolvimento do Litoral

Área tem cerca de 2,5 mil metros quadrados (Foto: AENPr)

A União autorizou a cessão ao Governo do Paraná de um imóvel para a implantação da Base Náutica de Guaratuba, no Litoral. Assim, localizada na Rua Capitão João Pedro, no Centro da cidade, a área tem cerca de 2,5 mil metros quadrados, incluindo terrenos da Marinha. Além disso, conta com um espaço físico de 520 metros quadrados construído em águas públicas.

A portaria da Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União que autoriza a cessão foi publicada no Diário Oficial da União nesta semana. Conforme as informações, a Base Náutica contará com um ancoradouro para embarque e desembarque, com capacidade para três embarcações simultaneamente. Além de um receptivo náutico para atendimento ao público e estacionamento.

O governador, Ratinho Junior, destacou que este é mais um projeto do Governo do Estado para o desenvolvimento do Litoral paranaense. “Guaratuba e os outros municípios litorâneos têm muitas belezas e uma capacidade enorme de receber mais turistas. O governo busca incentivar e prover a infraestrutura para ampliar essa visitação, o que gera emprego e renda na Região”.

PROJETO

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo e a Paraná Turismo já contam com um projeto para a ocupação do local, elaborado pela Paraná Edificações. Desse modo, a previsão é que seja feita uma concessão à iniciativa privada, processo que está em fase de estudo e de viabilidade, para avaliar como será a construção e a gestão da Base Náutica.

A locação ou arrendamento do imóvel para exploração comercial estão previstos na portaria, desde que sejam feitos os procedimentos licitatórios previstos em lei. A diretora Técnica da Paraná Turismo, Isabella Tioqueta explicou que o terreno locado em Guaratuba pertence à União e o Estado precisava dessa autorização para poder utilizar o espaço . “A cessão de uso nos adianta uma etapa e facilita o processo de concessão”.

CESSÃO

De acordo com a portaria, o prazo de cessão do imóvel será de dez anos, contados a partir da assinatura do contrato, prorrogável pelo mesmo período. A implantação da Base Náutica tem um prazo de 24 meses após a assinatura, que é condicionada à obtenção de todos os licenciamentos, autorizações, documentos e alvarás necessários ao funcionamento da estrutura náutica.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

DIA DE PASTEL

Nesta quinta (1), tem pastel na Catedral em Guarapuava

MAIS CASOS

Guarapuava registra sete novos casos de covid-19

NOVO BOLETIM

Paraná confirma 1.590 novos casos de covid-19 e 63 mortes em 24h

Comentários