Eva Schran reconhece talento do Kundun

Guarapuava – A Companhia de Música e Dança Afro Kundun Balê – Quilombo Paiol de Telha foi homenageada na sessão desta segunda-feira (14), por proposição da vereadora Eva Schran (PHS) com aprovação unanime dos demais vereadores.
Para receber a Moção de Aplausos e Congratulações estiveram na sessão o coordenador do Kundun, Orlando Silva, e os bailarinos Anaxilê Isabela Soares da Cruz e Kunta Leonardo Camargo Soares da Cruz.
Para Orlando Silva, o Kundun é como as “Marias” cantadas por Milton Nascimento por terem a “estranha mania de ter fé na vida”.
O Kundun, de acordo com Orlando, é muito mais do que música e dança no palco. “Essas crianças e adolescentes tem que dançar pelos palcos da vida e a energia que é levada para os palcos é quando se extravaza a angústia que todos tem no peito”.
Orlando relembrou as dificuldades que a comunidade enfrenta no dia-a-dia com as estradas precárias. “Para ficar doente na comunidade é preciso marcar hora, porque não há atendimento médico de forma sistemática. Os acadêmicos enfrentam dificuldades para o transporte escolar, entre tantas outras demandas”.
Mas a angústia maior, segundo Orlando Silva, é o não acesso à Lei Municipal de Incentivo à Cultura.

Relacionadas

NOVA MEDIDA

TSE suspende consequências para quem não votou nas eleições de 2020

HOMENAGEM PÓSTUMA

Prefeito decreta luto oficial de três dias pela morte de Bosco

Carreata pede 'impeachment' de Bolsonaro também em Guarapuava

Comentários