Feitas com impressoras 3D, máscaras de proteção são entregues em Guarapuava

A confecção das máscaras teve início há menos de uma semana, e o projeto intitulado “Tec do Bem” já soma mais de 10 entidades envolvidas

Máscaras foram entregues neste sábado (28) (Foto: Ascom/Acig)

Neste sábado (28), os integrantes do Ecossistema de Inovação de Guarapuava entregaram aproximadamente 200 máscaras de proteção, desenvolvidas com tecnologia de impressoras 3D. As unidades foram entregues para profissionais do CISGAP e Hospitais São Vicente e Santa Tereza. Assim, a confecção das máscaras teve início há menos de uma semana, e o projeto intitulado “Tec do Bem” já soma mais de 10 entidades envolvidas, totalizando mais de 60 colaboradores voluntários.

O Diretor Clínico do Hospital São Vicente, Cirurgião Cardiovascular Eduardo de Franco Borges disse que mais unidades serão entregues na segunda (30). “Nós estamos montando as máscaras neste fim de semana, e segunda (30) entregaremos metade para o Hospital Santa Tereza. São máscaras de qualidade excelente, realmente o Ecossistema fez um trabalho extraordinário”.

Além disso, o Diretor ressaltou a importância das máscaras para os profissionais que estão na linha de frente do combate ao Coronavírus.

Essas máscaras nos protegem de algumas situações que somente a N95 e os óculos não protegem, então a gente fica com uma barreira física em todo o rosto, pescoço, e orelhas, impedindo contato com as secreções dos pacientes.

Para o coordenador do Núcleo de Tecnologia e Inovação da Associação Comercial e Empresarial de Guarapuava (Acig), Rui Primak, a preocupação dos integrantes do projeto extrapola as fronteiras regionais.

“Através de grupos de Whatsapp e mídias sociais, estamos compartilhando os projetos de confecção das máscaras, para que os Ecossistemas de outras cidades do Paraná e estados do Brasil possam desenvolver um trabalho parecido”. Ele ressaltou ainda que o projeto é voluntário, e, tem como objetivos combater o vírus e fortalecer o Ecossistema de Inovação de Guarapuava, através da união e espírito de coletividade.

A próxima etapa do projeto é confeccionar máscaras para os municípios da região e o IML (Instituto Médico Legal), que souberam da iniciativa e solicitaram os materiais ao Ecossistema. Além disso, outro material desenvolvido pelo grupo já está em processo de produção, trata-se de uma máscara feita à base de acetato, com cortes a laser, e produção de uma unidade por minuto.

QUER CONTRIBUIR?

A Acig, uma das entidades integrantes do projeto Tec do Bem, disponibilizou uma conta para doações em dinheiro. O montante será utilizado para a compra de insumos para a confecção das máscaras.

ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE GUARAPUAVA
CNPJ 77.903.789/0001-15
Banco do Brasil
Agência 0299-2
Conta Corrente 24414-7

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

INFRAESTRUTURA

Ruas da comunidade da Paz recebem recape asfáltico em Candói

FOI POUCO!

Apesar da chuva, estado de alerta pela estiagem continua em Prudentópolis

IMPORTANTE

Pesquisa da Unicentro busca mapear grupos de risco para Covid-19

Comentários