Força Verde atua proprietário rural em R$ 78 mil por corte e transporte ilegal de araucárias

Pato Branco – O 3º Pelotão do Batalhão de Polícia Ambiental – Força Verde, que atua no município de Segredo, localizado a 100 quilômetros de Guarapuava, região centro sul do Paraná – apreendeu no município de Pato Branco, região Sudoeste do Estado, um caminhão carregado com 12,2 metros cúbicos de Araucária em toras. Após apreender o veículo, os policiais entraram foram até a propriedade indicada pelo motorista do caminhão e constataram o corte de 38 Pinheiros Araucária e 198 arvores de folhosas diversas.
O proprietário da área foi autuado em R$ 78.400,00 e responderá a processo criminal pelo corte e transporte. Já o motorista do caminhão apreendido foi autuado em R$ 5.850,00 pelo transporte irregular.
O proprietário da área apresentou a Autorização Florestal com validade até 08 de julho de 09, rasurada e renovada a caneta para 19 de dezembro de 2009, autorizando o corte de duas arvores de Araucária e quatro Canelas, totalizando 15 metros cúbicos e 5 metros cúbicos respectivamente e que, segundo ele, apenas um pinheiro havia sido cortado.
Os policiais entraram no interior de uma mata ali existente onde um dos pinheiros havia sido cortado e que restavam ainda três toras, totalizando 7,6 metros cúbicos, o que se somando as árvores já apreendidas, totalizaria o crime ambiental pelo corte de 19,8 metros cúbicos de araucária.
De acordo com o comandante da Força Verde, tenente-coronel Rosa Neto, as operações na região centro-sul para coibir o corte de madeira ilegal e crimes contra a fauna e a flora têm sido constantes.
“Estamos promovendo operações esporádicas e em horários diferenciados para evitar a atuação dos degradadores da natureza”, declarou o comandante.

FAUNA – Já para proteger a fauna, a Força Verde está realizando a “Operação Caápua”, que está sendo realizada com o objetivo de combater crimes ambientais, esteve no fim de semana no município de Cerro Azul.
Durante a operação, os policiais localizaram um infrator ambiental e apreenderam em sua residência 13 pássaros silvestres em cativeiro, uma espingarda calibre 36 e diversas gaiolas.
Foi lavrado auto de infração ambiental ao infrator, de acordo com o decreto 6.514/2008, que prevê multa de R$ 500,00 por animal mantido em cativeiro.
Em relação à parte criminal, foi dada voz de prisão, tendo em vista o crime ambiental que estava configurado conforme a lei 9.605/1998 e a posse de arma de fogo conforme o Código Penal Brasileiro e o Estatuto do Desarmamento.
A Força Verde tem trabalhado com frequência combatendo crimes ambientais. Todos aqueles que constatarem crimes contra a fauna e a flora podem fazer denúncias através do telefone: 0800-6430304. Não é preciso se identificar.

Relacionadas

DESEMPENHO

PM apreende mais de 1 tonelada de drogas no 1º semestre na Região

PERTURBAÇÃO DE SOSSEGO

Jovem com som alto ameaça vizinhos com facão após abordagem da PM

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Homem embriagado agride e ameaça a mãe em Prudentópolis

Comentários