Governo faz novo carregamento de valores no Cartão Comida Boa

Desse modo, os beneficiários que retirarem o cartão até este domingo (14) ainda vão ter direito ao carregamento de R$ 50 referentes à primeira fase

(Foto: AEN)

O Governo do Estado está trabalhando na segunda fase do Cartão Comida Boa, com o carregamento de mais uma parcela de R$ 50 nos vouchers dos beneficiários do programa. A partir desta segunda (15), o valor pode ser usado exclusivamente para a compra de gêneros alimentícios da cesta básica nos estabelecimentos comerciais previamente cadastrados.

Desse modo, os beneficiários que retirarem o cartão até este domingo (14) ainda vão ter direito ao carregamento de R$ 50 referentes à primeira fase. A partir de segunda, essa parcela deixa de ser creditada. O benefício é voltado para quem está inserido no Cadastro Único (CadÚnico) nacional e atende aos requisitos estabelecidos no decreto 4570/20. Também são contemplados autônomos e microempreendedores individuais que tiveram a renda afetada pela pandemia.

De acordo com o secretário da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, o objetivo é suprir, ao menos em parte, as necessidades de alimento das pessoas em situação de maior vulnerabilidade. “Ao mesmo tempo, garante-se faturamento para estabelecimentos comerciais que também vivem um período de dificuldades”.

O governo já depositou mais de R$ 31 milhões nas contas cadastradas pelos estabelecimentos comerciais. O valor refere-se a compras em todo o Estado. Segundo os últimos dados, cerca de 752 mil vouchers foram retirados, com mais de 850 mil operações de compra.

Informações sobre quem tem direito ao benefício, locais onde são distribuídos os cartões, assim como endereços dos estabelecimentos comerciais aptos as vendas dos gêneros alimentícios, podem ser consultadas no site.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

PELA SAÚDE

Unidades de saúde de Guarapuava recebem novos profissionais

UTILIDADE PÚBLICA

Obras impedem tráfego em ruas do Centro de Guarapuava

QUEDA DO WHATS

Em tempo de conexão, queda do WhatsApp deixa usuários apreensivos

Comentários