Guarapuava está no centro do turismo paranaense

Congresso internacional deve fomentar o turismo da cidade

(Foto: Arquivo/Paulo Lima)

Você conhece Guarapuava? Se um amigo distante perguntar quais são os atrativos que a cidade oferece você consegue elencar os detalhes, a história e os atrativos de cada um dos cartões postais daqui? E se não for cartão postal?

Nossa cidade vai muito além do que simples parques para passar o fim de semana com a família, ou de cachoeiras para se refrescar das altas temperaturas do verão. Guarapuava é protagonista de uma história rica, com natureza exuberante e com imenso potencial de crescimento e desenvolvimento histórico, político e cultural.

Uma prova disso é que a cidade é o maior produtor de Cevada do Estado, e a região conta com 19 igrejas e capelas para visitação. O município é o terceiro que mais hospeda no Estado. E é por meio desse desenvolvimento que a prefeitura de Guarapuava em parceria com a Fundação São José de Ciências Humanas e Religiosas, traz à cidade o XV Congresso Internacional de Turismo Religioso e Sustentável, onde pessoas de diversos lugares do mundo poderão conhecer roteiros turísticos na nossa região.

Secretaria de Turismo apresentou vídeo institucional do Congresso (Foto: Larissa Ortiz/RSN)

O tour religioso programado passa por três santuários: Schoenstatt, Nossa Senhora e Divina Ternura. Os participantes vão conhecer ainda a história e a arquitetura da Catedral Nossa Senhora de Belém. Atualmente, o antigo prédio da igreja passa por revitalização com o intuito de preservar o patrimônio histórico, artístico e cultural do local. Além disso, haverá tour ecumênico, mesas redondas, conferências, mesas de debates, espaço de negócios, espetáculos culturais, degustação de pratos típicos, visitas e excursões.

Doutores, professores, jornalistas, especialistas de países como Brasil, Argentina, México, Paraguai, Uruguai, Israel e Espanha, expõem diversos temas, desde apresentações inter-religiosas, culturais até marketing de turismo religioso.

(Foto: Jhonatan Andrey/Guarapuava de Outro Ângulo)

A frente de 14 edições anteriores do congresso, o fundador e organizador, Ruben Moyano, explicou que o objetivo, além de fomentar o turismo regional é fazer um resgate de coisas pessoais.

O feedback que temos é que conseguimos trazer a tona na vida das pessoas a parte humana, resgatamos o relacionamento das famílias, das coisas simples, porque tentamos fazer a pessoa olhar para dentro, retirar o melhor que há em cada um.

O vice-prefeito e secretário de Obras e Turismo, Itacir Vezzaro, destacou a importância de valorizar o que é nosso.

“Costumo dizer que o nosso jardim é bonito. Planejamos férias com nossas famílias para lugares que gostaríamos de conhecer, mas desconhecemos nosso potencial turístico e, em muitas vezes, nossa rica história”.

(Foto: Divulgação)

O XV Congresso Internacional de Turismo Religioso e Sustentável ocorre entre os dias 10 e 12 de julho e está com as inscrições abertas no site da Prefeitura. A expectativa é que mais de 800 pessoas participem. “Vivemos um momento único, o turismo do Paraná passa por Guarapuava”, disse Vezzaro.

Relacionadas

AJUDA URGENTE

'Vidas por Vidas' faz rifa solidária para não fechar as portas

TURISMO RELIGIOSO

Caminho da fé: estações da Via Sacra estão em fase final de construção

SONHO REALIZADO

Governo regulamenta terras de pequenos produtores em Candói

Comentários