Guarapuavanos são finalistas em prêmio estadual de empreendedorismo e tecnologia

Os dois jovens finalistas concorrem nas categorias Negócio com Tecnologia e Impacto Social

O talento jovem e inovador guarapuavano estará representado na fase final do Geração Empreendedora – Desafio Paraná, que está em sua terceira edição neste ano. Ademir Círico Junior e Carlos Rafael Galvão são finalistas do evento que premia ideias de negócio ou um negócio já andamento que sejam transformados em empreendimentos inovadores por meio da tecnologia. Os guarapuavanos disputam o título das categorias Negócio com Tecnologia e Impacto Social, respectivamente.

Ademir e Carlos irão a Curitiba nesta semana para a fase final (Foto: arquivo pessoal)

Na competição, Ademir, que tem 24 anos, participa com seu empreendimento na área contábil. Segundo o finalista, sua empresa Contae Contabilidade Online é inovadora dentro de sua área, sendo a primeira online da área em  Guarapuava e região. O intuito de sua participação no Desafio Paraná é “contribuir com empresários (as) de todo o país com serviços práticos e seguros por meio de uma plataforma 100% virtual onde o cliente acessa com muita praticidade por meio do celular, tablet ou computador”, destacou.

Outro finalista guarapuavano, Carlos possui 20 anos e é graduando em engenharia de software. Ele disputará o título da categoria Impacto Social com um aplicativo que está desenvolvendo na área de saúde chamado Saúde Fácil.

“É um app de pré-consulta, que tem como principal objetivo, de um modo geral, agilizar os procedimentos clínicos através de um formulário que o paciente responde antes mesmo de ir ao consultório médico, pelo aplicativo mesmo. Esse aplicativo tem outra ferramenta interessante, que ele envia semanalmente, dicas sobre saúde, cuidados pessoais, que o usuário vai ter acesso gratuitamente. É para agilizar e facilitar, trazendo saúde de forma prática”, explicou.

Como finalistas do prêmio, ambos irão até Palácio Iguaçu, em Curitiba, nos dias 6 e 7 de dezembro, participar da fase final da competição. Para chegar até esta etapa, os guarapuavanos passaram por um processo de seleção intenso com mais de 200 inscritos. Agora, a etapa final conta com 10 finalistas por categoria e apenas um será premiado com a mentoria gratuita por 6 meses e R$ 7 mil para investir no negócio vencedor. Além das categorias disputadas por eles, o Desafio Paraná possui finalistas nas modalidades de ideia de Negócio e Negócio.

Relacionadas

LUTO

Morre o médico pediatra George Karam por complicações da covid-19

EXPLOSÃO DE LUZ

Centro, bairros e distritos terão iluminação de Natal em Guarapuava

AJUDE ALGUÉM!

Pandemia reflete ativamente na saúde mental da população

Comentários