Justiça determina multa diária de R$ 500 mil

Multa será aplicada aos movimentos que continuarem acampados perto da PF

Acampamento de Lula (Divulgação)

A justiça endureceu o jogo e decidiu fixar multa diária de R$ 500 mil para os grupos, pró e contra, o ex-presidente Luiz Inácio Inácio Lula, que estão acampados nas proximidades da Superintendência da Polícia Federal, no bairro Santa Cândida, em Curitiba. A multa será aplicada caso não desocupem o local. A decisão é de sexta feira (13) e deve ser cumprida imediatamente.

O despacho foi assinado pelo juiz substituto Jailton Juan Carlos Tontini, da 3ª Vara de Fazenda Pública de Curitiba. Segundo o magistrado no dia 8 foi emitida liminar determinando que inclui que não fossem montados acampamentos e estruturas semelhantes nas proximidades da PF, entre outras proibições.

No dia 9 a senadora Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, disse que a a vigília não terá fim. Enquanto Lula estiver na PF, nós ficaremos aqui. Não arredaremos pé da luta pela liberdade de Lula˜, afirmou.

Relacionadas

ELEIÇÕES 2018

Aliel se reúne com reitor da Unicentro e reafirma compromissos

REGIÃO

Lenita e Granoski são multados pelo Tribunal de Contas do Paraná

ELEIÇÕES 2018

Cida defende que portos do Paraná incentivem o turismo

Comentários