Kundun é selecionado para documentário proposto por Instituto de Cinema português

qualidade de vida às gerações futuras mas também as normas de preservação não podem ser rígidas a ponto de inviabilizar a atividade agrícola nas pequenas propriedades. “Podemos avançar em alguns aspectos, como por exemplo, na discussão da área de reserva legal. O ideal seria que conseguíssemos incorporar nela, a área de preservação permanente das propriedades”, complementou.
Outro ponto defendido por Silvestri é que haja uma avaliação especializada para definir a largura ideal da érea de preservação nas margens de rios ou córregos. “Teríamos que ter um laudo técnico para verificar o tamanho da área de preservação dependendo do tamanho do rio ou riacho que corta a propriedade”, opinou.
A defesa do parlamentar é fazer com que seja possível um consenso entre todas as partes envolvidas na discussão. “Temos que analisar a questão da forma que não prejudiquemos os agricultores e nem o meio ambiente”, reafirmou.

Relacionadas

RELIGIÃO

Antiga sede da catedral passa a ser santuário no dia da Padroeira

FISCALIZAÇÃO

Força-Tarefa reforça combate à pesca predatória e desmatamento no PR

CAMPEONATO PARANAENSE

Datas para o Campeonato Paranaense já estão definidas

Comentários