Liberação do FGTS em Turvo está em fase burocrática; reunião definirá data de saques

Caixa liberou o processo para famílias atingidas por chuva de granizo. Passo a passo de como realizar o procedimento deve ocorrer até o fim de semana

População se uniu para reconstruir casas atingidas (Foto: Moacir Cruz/Reprodução)

A Caixa Econômica Federal está aguardando o trâmite burocrático para disponibilizar os saques do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para as famílias atingidas pela chuva de granizo que atingiu cerca de sete mil pessoas em Turvo, no dia 24 de agosto. O anúncio que a Caixa havia liberado o FGTS foi feito ontem, pela Defesa Civil do município, ao Portal RSN.

Enquanto o prosseguimento depende do trâmite legal, representantes da Caixa Econômica Federal estarão em Turvo nesta quinta (6), em reunião, para explicar para a administração como orientar a população sobre os saques. Dependendo do caso, os valores liberados podem chegar até cerca de R$ 6 mil.

“Uma equipe será enviada ao Turvo para realizar o procedimento lá. Mas, por enquanto, ainda não há data certa de quando isso vai acontecer. Essa é a orientação que estamos passando para os clientes que procuram por informações, também, aqui na agência de Guarapuava. Quando isso foi definido, a população será orientada”, informou uma funcionária da Caixa.

Novos detalhes sobre os procedimentos de saque devem ser divulgados após a reunião desta quinta (6), entre representantes do banco e a administração de Turvo. Segundo a Defesa Civil, o prejuízo computado no município é de cerca de R$ 1,8 milhão, com mais de 1.750 edificações danificadas, entre residências e estabelecimentos.

Relacionadas

COVID-19

Dois casos de covid-19 foram confirmados em Guarapuava neste domingo

SETEMBRO AMARELO

Pandemia reforça novos cuidados com a saúde mental

DIA DA ÁRVORE

Instituto Água e Terra desenvolve ação para o Dia da Árvore

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com