Matrículas para EJA iniciam em 6 de janeiro

Atualmente, a rede estadual de ensino possui 92 Centros Estaduais de Educação Básica para Jovens e Adultos (CEEBJAs) e 238 escolas de EJA

Todos que desejarem voltar a estudar e concluir seus estudos devem procurar as instituições (Foto: AENPr)

O período para inscrições para a Educação para Jovens e Adultos (EJA) começa na próxima segunda (6) e segue até dia 24 de janeiro. Assim, todos que desejarem voltar a estudar e concluir seus estudos devem procurar as instituições que oferecem a modalidade e efetuar a matrícula no local.

De acordo com a Agência Estadual de Notícias do Paraná (AENPe), para o ano letivo de 2020, a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte readequou o cronograma da EJA. Assim o regime passou a ser semestral e com matriz curricular unificada. Com isso, os estudantes poderão concluir tanto a etapa do Ensino Fundamental quanto a do Ensino Médio em dois anos.

Além disso, a matriz unificada garante que todas as instituições que ofertam EJA terão as mesmas disciplinas, facilitando a continuidade dos estudos caso seja necessário mudar de escola e facilitando a organização dos professores para a escolha de suas aulas.

A readequação do cronograma não altera a carga horária dos cursos, que será mantida a mesma, mas vem como uma solução para o cenário constatado pela Secretaria. O período prolongado para conclusão dos estudos resultava em grande incidência de abandono. Com a carga horária concentrada, os estudantes terão a chance de terminar os estudos antes.

“Acreditamos que essa reorganização será um grande incentivo para aquelas pessoas que por alguma razão deixaram os estudos e desejam retornar e concluir. O tempo para conclusão é um fator de escolha, pois voltar a estudar exige um esforço, comprometimento e adequação da rotina diária”, explicou o diretor de Educação, Raph Gomes Alves.

DOCUMENTOS

Para efetivar a matrícula, o estudante deve procurar a instituição de ensino de seu interesse que oferta a modalidade e levar os seguintes documentos (original e cópia):

Certidão de Nascimento ou Certidão de Casamento;
RG (para maiores de 16 anos) ou Registro Nacional Migratório – RNM / Protocolo de Solicitação de Refúgio;
Cadastro de Pessoa Física – CPF (para maiores de 16 anos e estudantes da Educação Profissional;
Declaração de Vacinação emitida pela Unidade ou Posto de Saúde (para menores de 18 anos);
Fatura recente da concessionária de energia elétrica, dos últimos dois meses;

Comprovante de endereço adicional em nome da mãe/pai/responsável legal pelo estudante, quando a fatura não estiver em nome dos mesmos;
Número de telefone para contato;
E-mail da mãe/pai/responsável legal;
CPF da mãe/pai/responsável legal ou Registro Nacional Migratório – RNM / Protocolo de Solicitação de Refúgio;
Histórico Escolar.

QUEM PODE FAZER EJA

O Ensino Fundamental Anos Finais (do 6º ao 9º ano) pode ser cursado por qualquer pessoa com 15 anos completos. Já o Ensino Médio pode ser cursado por qualquer pessoa com 18 anos completos. A EJA não é seriada, ou seja, o aluno não se matricula na série em que interrompeu seus estudos, e sim na etapa (Ensino Fundamental ou Ensino Médio). Mas todos os anos que ele já cursou serão validados para posicioná-lo no semestre da etapa que melhor atenda a sua necessidade.

O tempo máximo de curso para cada etapa é de dois anos, mas pode ser concluído em menor tempo, de acordo com a disponibilidade e os resultados obtidos pelo aluno.

DISCIPLINAS

A matriz curricular prevê as seguintes disciplinas para a EJA Ensino Fundamental: Língua Portuguesa, Matemática, Ciências Naturais, História, Geografia, Inglês, Arte e Educação Física.

A EJA Ensino Médio ofertará as seguintes matérias: Língua Portuguesa, Inglês, Matemática, Química, Física, Biologia, História, Geografia, Espanhol, Arte, Filosofia, Sociologia e Educação Física.

ONDE TEM EJA

Atualmente, a rede estadual de ensino possui 92 Centros Estaduais de Educação Básica para Jovens e Adultos (CEEBJAs) e 238 escolas de EJA.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

MULTA DE R$ 617 MIL

Polícia Ambiental autua dono de área por destruição de vegetação nativa

POTENCIAL

Em 2020, Irati deve repassar gratuitamente sete mil mudas de pêssego

ALERTA

Inmet divulga alerta de possível tempestade para Guarapuava

Comentários