Na Semana do Meio Ambiente, Paraná inicia o programa Voo Livre

Os proprietários de imóveis interessados em colaborar com a preservação da fauna silvestre vitimada já podem se cadastrar

Os proprietários de imóveis já podem se cadastrar  (Foto: Reprodução/AEN)

O governo do Paraná, está lançando a Semana Nacional do Meio Ambiente o Programa Voo Livre, de preservação da fauna silvestre. A ação é do Instituto Água e Terra, vinculado à Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo.

O projeto surgiu junto a necessidade de áreas adequadas à animais e também em atendimento às buscas por parte de pessoas sensíveis às demandas da fauna silvestre. Portanto, o programa vai permitir que o Instituto exerça maior controle sobre as espécies devolvidas aos seus habitats naturais e fazer o monitoramento das ações realizadas.

Os proprietários de imóveis interessados em colaborar com a preservação da fauna silvestre vitimada já podem se cadastrar para as Áreas de Reabilitação de Animais Silvestres (ARAS) e Áreas de Soltura de Animais Silvestres (ASAS) apreendidos no Estado do Paraná.

RECOMPOSIÇÃO E EQUILÍBRIO

O secretário de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, ressalta a importância do programa. “Sendo assim, a iniciativa considera que a soltura de animais silvestres, de forma monitorada, é uma importante ferramenta na recomposição e equilíbrio destas áreas”.

Para o presidente do IAT, Everton de Souza, é uma das muitas iniciativas que o órgão tem planejado. O programa cria o cadastro informatizado para as ARAS e para as ASAS, dando um caráter técnico-científico às solturas, o que beneficia os animais e os ambientes. “Assim, damos um importante passo para a preservação da fauna e de seus habitats”.

CHAMAMENTO

Além disso, a bióloga doutora em Conservação da Natureza e chefe do Setor de Fauna do Instituto Água e Terra, Paula Vidolin, considera que esse chamamento vai otimizar a gestão de reinserção da fauna vitimada na natureza. “Os animais voltam para o local de onde nunca deveriam ter saído. Então, é um projeto fundamental é necessário. Com ele teremos mais controle e direcionamento de nossas ações, com a possibilidade de monitoramento e avaliação constante”.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

MERCADO DE TRABALHO

Guarapuava fecha maio com saldo negativo, diz Caged

PROTOCOLO DE SEGURANÇA

Confirmação de covid-19 em parte de equipe fecha Guaraprev

DESTAQUE

Adelmo Klosowski recebe título de "Prefeito Amigo da Criança"

Comentários