Pinhão investe ‘pesado’ na manutenção de estradas

Além dessa preservação, em Pinhão os agricultores recebem implementos agrícolas em regime associativista

Estrada rural sendo cascalhada (Foto: Ascom/Prefeitura de Pinhão)

Município com seis mil quilômetros de estradas rurais e vocação econômica com base na agricultura, Pinhão requer investimentos nesse setor. E isso é o que não falta. Assim, a Associação de Moradores do São Roque, por exemplo, recebeu no sábado (25) dois novos implementos agrícolas.

De acordo com a entidade, trata-se de um pulverizador e uma semeadeira. Conforme a Assessoria de Comunicação da prefeitura, o primeiro é resultado de emenda do deputado federal Toninho Wandscheer e a semeadeira com emenda do deputado federal Aliel Machado.

De acordo com o prefeito em exercício, Beraldo Amaral, esse é o 67º implemento entregue pela atual gestão.

Comunidade de São Roque recebe implementos agrícolas (Foto: Ascom/Prefeitura de Pinhão)

RECUPERAÇÃO DE ESTRADAS

As máquinas da Patrulha do Consórcio Vale do Rio Jordão fazem a readequação da estrada do Zattar até a comunidade de Barreiros. Porém, segundo a Ascom, a , frente de serviços de limpeza deve começar nesta semana os trabalhos na região de Faxinal dos Coutos.

Entretanto, já está recuperado o acesso entre a comunidade Dois Irmãos até Zattarlândia e desta até Barreiros. Conforme a Ascom, foram executados os serviços de limpeza dos barrancos, construção de bueiros, abertura de valas para escoamento de água, cascalhamento e compactação.

Equipamento entregue em São Roque (Foto: Ascom/Prefeitura de Pinhão)

Todavia, as obras de melhorias seguem também em outras regiões do município. De acordo com a Secretaria de Infraestrutura de Viação são serviços de patrolamento, cascalhamento e compactação.

Patrulha Rural (Foto: Ascom/Prefeitura de Pinhão)

Na tarde de sábado (25), o prefeito em exercício Beraldo Amaral, acompanhou os trabalhos nas regiões do Serrinho, Cegonha e Santa Cruz. “O trabalho que fazemos para melhorar as estradas rurais é continuo. Resulta em mais qualidade de vida para as pessoas, pois facilita o acesso dos veículos e o escoamento da produção”.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

LEI ALDIR BLANC

Setor cultural pede socorro para não perder recurso emergencial

PROGRAME-SE

'Trenzinho da Luz' oferece passeio gratuito pela 'Cidade dos Lagos'

MORADIA

Famílias recebem casa própria em Santa Maria do Oeste

Comentários