Prefeitura e Sanepar firmam convênio que beneficia 700 famílias

O convênio deve executar obras em diversos bairros de Guarapuava. O valor estimado para as ações é de R$ 145 milhões

Obras serão executadas em diversos bairros de Guarapuava (Foto: Secom/Prefeitura de Guarapuava)

A Secretaria de Comunicação da prefeitura de Guarapuava anunciou a assinatura de um convênio com Sanepar firmou a execução de novos grandes investimentos no saneamento básico em bairros da cidade. Desse modo, a parceria estabelece a ampliação da rede de esgoto nos bairros Jardim das Américas, Núcleo Paz e Bem, Vila Bela (região do CAIC) e Santana (Jardim Califórnia). No total, são  10 quilômetros de obras nessa Região, em um convênio de mais de R$ 1,3 milhão, que passará agora pelo processo de licitação e posterior início das obras.

De acordo com a Secom, o serviço integra um amplo programa de saneamento executado pela Sanepar e pela administração municipal nos últimos anos, que possibilitou um salto nos números locais. Com um índice de 66% no atendimento com rede coletora de esgoto em 2012. Assim, a execução de diversas obras feitas de lá pra cá, somada à assinatura de novos contratos, garantirá uma cobertura de 92% no atendimento da rede de esgoto em Guarapuava.

META

O prefeito, Cesar Silvestri Filho, destacou que a meta para 2030 foi antecipada. “Antecipamos a meta prevista para 2030 e alcançamos números de destaque nacional, já que apenas 10 entre as 100 maiores cidades brasileiras têm uma média de tratamento de esgoto superior a 80%. Estamos investindo na qualidade de vida, na saúde, no bem-estar dos guarapuavanos. É para isso que trabalhamos e, por isso, comemoramos tanto essa conquista”.

Além desses 10 quilômetros de obras firmados nessa semana, a Sanepar já executa a ampliação em mais de 14 km da rede de esgoto no Jardim Patrícia e Vila Colibri, cujas obras foram acompanhadas ontem (2) pelo prefeito Cesar Filho e pela equipe da Sanepar.

A gerente de Projetos e Obras da Sanepar, Jeanne Saldanha Cristine Schmidt, destacou a importância da obra.“Essa obra atende uma Região extremamente importante, que beneficiará 753 famílias e cumprirá nossa missão de levar saúde preventiva com água potável, coleta e tratamento de esgoto para a população”.

O prefeito de Guarapuava visitou as obras que já estão em andamento (Foto: Secom/Prefeitura de Guarapuava)

MAIS DE R$ 145 MILHÕES EM INVESTIMENTOS

Ainda de acordo com as informações, a ampla execução de serviços garante investimentos históricos em Guarapuava. Até 2024, as obras devem somar mais de R$ 145 milhões, considerando os serviços em execução e os previstos de captação. Além de tratamento e armazenamento de água, ampliação da coleta e tratamento de esgoto no município.

O prefeito destacou ainda outras obras em outras Regiões. “Já podemos anunciar também as obras de mais R$ 1,9 milhão que atenderão outras Regiões importantíssimas da cidade como toda a Vila Jordão, Vila Mirim. E ainda, Vila Continental e parte do bairro Santa Cruz, na Região do Centro Universitário Campo Real, que concluirá a cobertura nesse bairro”. Assim, para esse serviço, a empresa já foi contratada e dará início as obras de 237 ligações nos próximos dias.

PALMEIRINHA

Neste planejamento de serviços, o distrito da Palmeirinha também está incluído com a implantação de cerca de 40 km de rede de esgoto. A expectativa é atender mais de 500 famílias, com obras de R$ 12,5 milhões. Outros destaques nos investimentos locais referem-se à construção de uma nova adutora e captação de água bruta. Tal ação aumentará a capacidade local de produção de água potável; além da ampliação da ETE Vassoural, onde ocorre o tratamento de esgoto. O investimento é de R$ 60 milhões.

“Com todos esses serviços, além de ultrapassarmos a cobertura de 90% da captação e tratamento de esgoto, consolidamos 100% de fornecimento de água tratada e colocamos Guarapuava no caminho certo para crescer com qualidade de vida, garantindo infraestrutura de qualidade”.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

AJUDA URGENTE

'Vidas por Vidas' faz rifa solidária para não fechar as portas

TURISMO RELIGIOSO

Caminho da fé: estações da Via Sacra estão em fase final de construção

SONHO REALIZADO

Governo regulamenta terras de pequenos produtores em Candói

Comentários