Ratinho Jr. e Beto Preto virão a Guarapuava na próxima semana

A visita será para vistoriar as obras do Hospital Regional para o enfrentamento a Covid-19. Guarapuava mantém quadro estável, segundo o boletim desta sexta

Ratinho Jr. e Beto Preto virão a Guarapuava na próxima semana (Foto: Geraldo Bubniak/ANPr)

O  enfrentamento ao coronavírus traz a Guarapuava o governador Carlos Massa Ratinho Junior e o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto. Eles estarão em Guarapuava no início da próxima semana. De acordo com informações de fontes do governo, será na segunda (13) ou na terça (14). A vinda de ambos será para vistoria nas obras do Hospital Regional, no bairro planejado Cidade dos Lagos. Inicialmente, a visita estava prevista para esta sexta (10), porém, foi adiada.

De acordo com o governo, o HR deve entrar em funcionamento para atender possíveis pacientes do coronavírus. Embora Guarapuava, até o momento, esteja conseguindo conter a curva de propagação da Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde se prepara para possível avanço.

(Imagem: Secom)

Conforme, o boletim desta sexta (10) o Município está com 114 casos sendo monitorados em isolamento domiciliar; 86 já foram liberados do isolamento em casa; outros 69 foram descartados com resultados negativos dos exames. Seis ainda aguardam resultados dos exames do Laboratório Central do Paraná (Lacen) e apenas  um caso confirmado.

NO PARANÁ

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) confirmou mais duas morte e 34 novos casos de coronavírus no Paraná. Segundo último boletim da Sesa, divulgado na tarde nesta sexta (10), os dois falecimentos são de um homem de 71 anos, que estava internado em hospital em Londrina desde o dia 30 de março. Ele teve a confirmação para Covid-19 nesta quarta (8).

A outra vítima era um homem de 51 anos, que estava internado em um hospital de Iretama desde o dia 26 de março. De acordo com a Sesa, os dois pacientes possuíam outras doenças. Ainda conforme o boletim da Sesa, os 34 novos casos são de pacientes que residem em Curitiba (13), Balsa Nova (4), Campo Largo (2), Cascavel (4), Santa Fé (3), Campo Mourão (2), Goioerê (1), Araruna (3), Paiçandu (1) e Marumbi (1).

O Paraná é o sétimo estado com o maior número de casos confirmados no Brasil (Gráfico: RSN)

Conforme a secretaria estadual, entre os pacientes que já tiveram alta hospitalar em todo o Estado, estão pessoas de faixa etária entre nove e 84 anos. São 85 pessoas em Curitiba e 114 nos demais municípios. Por fim, o Paraná já registrou 655 casos confirmados, sendo que, 12 pacientes não residem no Estado.

A Sesa já descartou 5.750 casos e outras 502 pessoas estão em isolamento domiciliar, pois esperam o confirmação do Laboratório Central do Estado. Até o fechamento do último boletim da Sesa, o novo coronavírus já matou 26 pessoas no Paraná.

BRASIL

O Ministério da Saúde divulgou na tarde desta sexta (10), o mais recente balanço dos casos da Covid-19 no Brasil. Assim, os números mostram o avanço do coronavírus no país. De acordo com o ministério, de ontem (9) para hoje as confirmações subiram de 17.857 para 19.638.

Já em relação às mortes, o Brasil passou a marca de mil mortes nesta sexta (10). Segundo o Ministério da Saúde, o país registra 1.057 mortes número com uma letalidade 5,4% no Brasil. Esse índice estava aumentando nos últimos dias, mas sofreu uma redução nas últimas 24 horas. Segundo o balanço de ontem, a taxa era de 5,5%.

A Região Sudeste continua com o maior número de casos confirmados até o momento, são 11.678. Em seguida vem o Nordeste, com 3.528 diagnosticados. Depois vem o Sul (1.972), o Norte (1.505) e o Centro-Oeste (944).

Por fim, o último boletim panorâmico da Organização Mundial da Saúde (OMS) desta sexta (10), mostra que o número de mortos subiu para 101 mil pessoas. Ainda de acordo com a OMS, o vírus já infectou 1,6 milhão de pessoas em 215 territórios, sendo que, a Organização da Nações Unidas reconhece apenas 193 territórios como países oficiais. Porém, 377 mil pessoas foram curadas em todo o mundo.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

AINDA DÁ TEMPO

Mega-Sena sorteia prêmio acumulado de R$ 38 milhões neste sábado (24)

CUIDADO

Receita Federal alerta para sites falsos que simulam leilões do órgão

ELEIÇÕES

STF confirma que não é obrigatório portar título de eleitor para votar

Comentários