Repasse de recursos beneficiará 300 mil famílias, por cinco meses

62 mil famílias já recebiam recursos mas programa foi ampliado dentro da série de ações de proteção aos mais vulneráveis

Só os programas sociais da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho terão R$ 389 milhões neste ano (Foto: AENPr)

O Governo do Paraná amplia o alcance de seus programas sociais em função da pandemia do Coronavírus. O pacote social anunciado pelo governador Carlos Massa Ratinho, soma R$ 400 milhões para ajudar famílias paranaenses mais vulneráveis. “É a área mais importante nesse momento”.

Assim, só em ações executadas pela Secretaria da Justiça, Família e Trabalho, os recursos chegarão a R$ 389 milhões. São R$ 89 milhões que já eram previstos para este ano dentro do programa Nossa Gente, mais o aporte extra de R$ 300 milhões para famílias em situação de vulnerabilidade, além do aumento do limite do programa Luz Fraterna, anunciados pelo governador.

Além disso, o Secretario de Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost. disse que ajudar essas famílias que vivem em situação de vulnerabilidade e risco social é o compromisso da gestão. “Agora, com essa crise causada pelo coronavírus mostra-se ainda mais relevante”. O repasse direto de recursos, que beneficiou a 62 mil famílias por mês nos 399 municípios do Paraná, chegará  emergencialmente a 300 mil famílias, por cinco meses.

Já o Luz Fraterna ampliará por 90 dias o limite de consumo de energia elétrica de 120 kWh para 150 kWh. A medida vai incluir mais 52 mil famílias de baixa renda no benefício, atingindo um total de 217,5 mil famílias.

AGRICULTOR 

De acordo com a assessoria do Governo do Estado, outra ação é o Renda Nossa Gente Agricultor Familiar que, em parceria com a Secretaria da Agricultura e do Abastecimento, por meio do Instituto Emater. Tal iniciativa permite a execução de ações que possibilitam aos agricultores beneficiados o acesso às políticas públicas e programas voltados ao desenvolvimento rural sustentável. Para subsidiar essas atividades, a Secretaria da Justiça repassa a cada família um auxílio financeiro de até R$ 3 mil.

Além disso, o Caixa d’Água Boa também continua em andamento. A Sanepar segue com as entregas nas casas das famílias, individualmente, sem aglomeração e de forma rápida. A própria família que recebe o kit é responsável pela instalação.

Já a Secretaria da Justiça, Família e Trabalho provê um auxílio financeiro no valor de R$ 1 mil para cada família, para investir na mão de obra necessária à instalação. O programa beneficiará neste ano 4 mil famílias de 144 municípios.

NOVOS PROJETOS

Este ano o programa Nossa Gente está implantando também o Inclusão Produtiva Solidária, que aplicará R$ 2,24 milhões para pequenos agricultores com projetos de produção coletiva. Além do Incentivo Nossa Gente Paraná, que repassará R$ 10 milhões a municípios para apoio às ações de assistência social.

Nessa linha, também serão entregues oito novos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas). O investimento deve chegar a R$ 800 mil.

Leia outras notícias no Portal RSN.

Relacionadas

CALORÃO EM GUARAPUAVA

Altas temperaturas marcam o 1º fim de semana da Primavera

COM SEGURANÇA

Ação educativa 'Café na Passarela' ocorreu nesta sexta (25) na BR-277

CONSUMO CONSCIENTE

Consumo excessivo e capacidade esgotada deixam LS sem água

Comentários