Silvestri defende que código florestal seja votado ainda esse ano

Guarapuava – O deputado federal Cezar Silvestri (PPS) defendeu a votação, ainda esse ano, do novo Código Florestal. Segundo ele, a reestruturação da lei deve beneficiar órgãos ambientais e a classe produtora. “Temos que unir todas as forças e ideologias, ouvir os ambientalistas e também os produtores rurais, para que seja formulada uma legislação que defenda o meio ambiente para as futuras gerações e que de tranquilidade ao produtor”, frisou.
Membro titular da comissão de agricultura da Câmara e suplente da comissão de meio ambiente, Silvestri enfatizou que este é o momento mais adequado para por em discussão o novo código ambiental. “O ano que vem tem eleições, e como todos sabem, em ano de eleição não se vota assuntos polêmicos, por isso, acredito que esse é o momento certo para colocarmos o assunto em debate e votá-lo ainda este ano”, destacou ressaltando que a discussão já está sendo feita. “O importante é que esse debate aconteça, não só no congresso, mas principalmente, junto com os maiores interessados que são os produtores rurais, os ambientalistas e a comunidade como um todo”, concluiu.
Silvestri foi um dos palestrantes do Seminário Meio Ambiente: novos padrões de fiscalização e mudanças no código florestal, realizado, no último sábado em GUarapuava, pela Faep (Federação da Agricultura do Estado do Paraná), em parceria com o IAP (Instituto Ambiental do Paraná) e apoiado pelo Sindicato Rural de Guarapuava. Além dele participaram o presidente da FAEP, Ágide Meneguette, o presidente do IAP, Vitor Hugo Burko e o deputado federal, Luciano Pizzatto.

Relacionadas

COMO ASSIM?

Bolsonaro sanciona lei que obriga uso de máscaras em locais públicos

ELEIÇÕES

Jerônimo confirma pré-candidatura à reeleição em Turvo

CAMUFLAGEM

Senadoras pedem revisão de portaria sobre feminicídio

Comentários