TRE impede Cida de falar sobre audiências na campanha

Justiça entende que tema visa angariar votos

Cida Borghetti (Foto: Divulgação)

A governadora Cida Borghetti (PP), candidata à reeleição no Paraná, está impedida de fazer referência, durante a campanha eleitoral, às audiências públicas que vem realizando e que tratam do novo formato de pedágio para o Estado.

A decisão é da juíza auxiliar Graciane Lemos, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Paraná, que atendeu pedido feito em representação pela coligação Paraná Inovador, que apontou o uso de materiais e serviços custeados pelo poder público na campanha da governadora, em especial nas redes sociais.

No entendimento da juíza, ao fazer a divulgação, “além de praticar uma conduta vedada a agente público, visa angariar votos, ou seja, um ganho pessoal, às custas de propaganda produzida com recursos financeiros do erário”.

Relacionadas

ELEIÇÕES 2020

Coligação ‘Por Você’ registra candidaturas

CONVITE

Crescer sem deixar ninguém para trás!

ELEIÇÕES 2020

Antonio Araújo é o novo coordenador da campanha de Dr. Antenor

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com