Turvo adota ‘diário de aula’ para alunos do ensino fundamental

O aluno recebe dois cadernos e tem prazo para entregar as atividades. Assim há o controle de frequência, diz a Secretaria de Educação de Turvo

Seed adota ‘diário de aula’ para alunos do ensino fundamental (Foto: Ascom/Prefeitura de Turvo

Um ‘diário de aula’ com o registro das atividades com data específica, está sendo adotado pelas escolas municipais de Turvo. As aulas foram suspensas no dia 20 de março, não havendo previsão de quando as aulas presenciais serão retomadas na cidade.

Por isso, esse método foi criado para minimizar os prejuízos da aprendizagem no período de distanciamento social. Desse modo, a única ferramenta digital que está sendo utilizada é o WhatsApp. Dessa forma, tanto pais quanto alunos podem estar em contato com os professores, sanando dúvidas e também na troca de informações.

De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, o método escolhido também permite que o aluno não perca o contato físico com os cadernos.

Cadernos são entregues quinzenalmente em sistema de rodízio (Foto: Ascom/Prefeitura de Turvo)

Cada aluno recebe dois cadernos que poderão ser utilizados para todos os componentes curriculares. Conforme a Seed, os cadernos serão entregues nas escolas, quinzenalmente, respeitando o cronograma de hora-atividade de cada professor. Para tanto, haverá um rodízio de troca de cadernos. Ou seja, no momento da entrega o aluno receberá o outro caderno já com as atividades corrigidas, permitindo também o controle de frequência dos estudantes.

De acordo com a secretária de Educação, Silvane Rickli Horst Schneider, as crianças terão o prazo de duas semanas para a entrega das atividades que serão avaliadas e computadas como reposição de aulas. Não haverá aulas gravadas ou conteúdos on-line.

“Será feita avaliação com relatório, aluno por aluno, para a atividade ser computada como presença e com uma determinada carga horária para considerar os dias letivos”.

MERENDA ESCOLAR

Cestas são feitas conforme a necessidade nutricional de cada aluno (Foto: Ascom/Prefeitura de Turvo)

A Secretaria de Educação, Cultura e Esportes está sendo responsável pela distribuição de gêneros alimentícios às famílias vulneráveis. No dia 23 de abril, o Conselho de Alimentação Escolar se reuniu após receber a autorização do Governo Federal para doação de alimentos aos alunos da rede municipal.

De acordo com a Seed, o conselho, a Secretaria da Família e Desenvolvimento Social e a Secretaria de Agricultura e Pecuária, definiram a confecção de cestas básicas. A entrega é de uma cesta por aluno, de acordo com a avaliação nutricional específica para cada um. Caso a família possua dois filhos, a contagem se dará individualmente, ou seja, apenas uma cesta por família.

“A composição de cada kit foi basicamente os alimentos que já compõem a cesta básica, porém, conforme a disponibilidade de produtos existentes, além de um kit com três opções de hortifrúti”.

Ao todo, foram entregues 352 kits para as cinco escolas municipais e para os quatro Centros de Educação Infantil, da cidade e do interior incluindo a Apae.

Leia outras notícias no Portal RSN.

 

Relacionadas

PESQUISA

Governo vai lançar pesquisa para avaliar ferramentas do Aula Paraná

QUALIDADE

Em tempo de recesso, escolas são reformadas em Guarapuava

ADIADO

Inscrições do Enem são adiadas até dia 27 de maio

Comentários