Estimativa para segunda safra de colheitas no Paraná é animadora

A expectativa para as culturas do milho, do feijão e da batata aumentou em relação ao mesmo período do ano passado

(Foto: Reprodução)

A escassez de chuvas e as altas temperaturas das últimas semanas deixaram os agricultores em alerta sobre o potencial produtivo das culturas de primeira safra. Agora, o Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria de Estado da Agricultura, começa a trabalhar com as estimativas para as culturas de segunda safra, correspondentes à transição de 2018 para 2019.

Veja também
Colheita de batata na região de Guarapuava pode ser menor nesta safra

Em comparação com o mesmo período no ano passado, a segunda safra 2017/2018, a estimativa de produção para este ano é mais animadora para culturas como o milho, o feijão e a batata.

De acordo com o técnico agrícola do Deral Guarapuava, Dirlei Antônio Manfio, o plantio na região Centro Oeste é um pouco mais tardio e, por isso, as colheitas também demoram um pouco mais para acontecer. O milho está em floração e agora precisa de chuva para crescer. A soja está um pouco atrasada, ainda em seu desenvolvimento vegetativo, antes da floração. O feijão da região está com a previsão de colheita para janeiro. A batata já está com cerca de 10% da colheita concluída, seguindo até os primeiros meses de 2019.

Relacionadas

RANKING

Produtor de Guarapuava é premiado em "Oscar" da raça Nelore

OPORTUNIDADE

Inscrições abertas para curso de manejo de solo e água, em Guarapuava

Comentários