Meirelles quer ampliar setor de transporte para o agronegócio

Ele defende ainda apoio de crédito para o setor e investimento nas rotas hidroviárias do país

(Foto/Reprodução: Felipe Rau/Estadão)

O candidato à presidência da República pelo MDB, Henrique Meirelles, tem como uma de suas propostas de governo o investimento no sistema de logística de transporte no setor do agronegócio para o crescimento da área. O ex-ministro da Fazenda defende que a retomada do crescimento econômico do Brasil e o aumento do poder de compra do consumidor também vão impulsionar o agronegócio.

Meirelles quer transformar o Brasil em um grande “canteiro de obras”. A proposta de governo do presidenciável pretende integrar o país no quesito transporte de mercadorias e deixar a logística de cargas do agronegócio mais rápida e barata, através do investimento não apenas em rodovias, mas também em ferrovias, o que, segundo Meirelles, é um sistema mais eficiente para grandes cargas.

O candidato do MDB defende ainda apoio de crédito para o setor e investimento nas rotas hidroviárias do Brasil.

“Primeiro mais apoio de crédito. Temos que explorar também a grande vantagem do Brasil que é a hidrovia, que é o sistema mais barato que existe de transporte. Algumas obras pontuais, por exemplo, eliminando algumas rochas no Tocantins, no Araguaia, nós podemos viabilizar um grande escoamento de toda essa região”.

Em evento que oficializou o deputado federal Baleira Rossi (MDB) para reeleição no cargo, Meirelles comentou que pretende também criar 10 milhões de empregos em quatro anos, em caso de vitória nas urnas. O candidato voltou a comentar sobre investimentos também em infraestrutura de saúde, com a implementação de um cartão eletrônico que reúna todas as informações dos pacientes, como consultas marcadas e histórico de remédios.

 

Relacionadas

NO TRÂNSITO

Hoje inicia a Semana Nacional do Trânsito em todo o país

NÚMEROS ASSUSTADORES

Insegurança alimentar cresce e atinge mais três milhões de pessoas

COVID-19

Eduardo Pazuello assume oficialmente o Ministério da Saúde

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com