Bolsonaro será diplomado nesta segunda (10), no TSE

Solenidade será às 16h, em Brasília

Jair Bolsonaro (Foto: Agência Brasil)

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, chega a Brasília nesta segunda feira (10) para a cerimônia de diplomação com seu vice Hamilton Mourão, às 16h, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Para a solenidade, foram distribuídos 700 convites. Os diplomas são assinados pela presidente do TSE, ministra Rosa Weber, que abre a sessão solene e indica dois ministros para conduzirem os eleitos ao plenário.

A agenda do presidente eleito para esta semana é intensa e inclui reuniões com as bancadas do PSD, DEM, PSL, PP e PSB. Também há conversas com os governadores eleitos de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva (PSL), e do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), segundo informou a Agência Brasil.

As reuniões ocorrem no momento em que Bolsonaro já definiu toda a sua equipe ministerial. Os 22 ministros foram escolhidos. O último nome foi anunciado nesse domingo (9), nas redes sociais, pelo próprio presidente eleito, foi o do advogado e administrador Ricardo de Aquino Salles para o Ministério do Meio Ambiente.

A partir da posse, de acordo com a  Constituição Federal,  art. 14, § 10 Ação de Impugnação de Mandato Eletivo (AIME), a oposição terá 15 dias, para mandatos obtidos mediante abuso de poder econômico, corrupção ou fraude.

Relacionadas

DENUNCIE

No Brasil, uma mulher é vítima de assassinato a cada nove horas

LUTO

Morre o jornalista Fernando Vannucci aos 69 anos em São Paulo

LUTA ANTI-RACISTA

No Dia da Consciência Negra e no ano todo a luta é por igualdade racial

Comentários