Consumo de energia no Paraná cresce 5% no primeiro trimestre

O índice considera todos os consumidores da sua área de concessão

(Foto: Ascom/AEN)

Dados divulgados pela Copel nesta quarta (15) concluíram que o consumo de energia elétrica aumentou 5,1% no Paraná no primeiro trimestre de 2019, em comparação com o mesmo período do ano passado. O índice considera o chamado mercado fio da Copel, que inclui todos os consumidores da sua área de concessão, entre usuários cativos, consumidores livres, concessionárias e permissionárias.

O balanço mostrou que no total, foram consumidos 7,9 mil Gigawatts-hora (GWh) de energia no trimestre, frente a 7,5 mil GWh no mesmo período de 2018. O consumo do segmento de consumidores livres – que compraram energia da Copel Geração ou da Copel Comercialização – apresentou crescimento de 5,8%. Composto principalmente por indústrias, o aumento registrado no mercado livre se deu em função do crescimento da produção industrial no Paraná, que cresceu na casa dos 10% nos últimos meses.

O presidente da Copel, Daniel Pimentel Slaviero, disse que a meta é garantir cada vez mais energia de qualidade. “Os resultados financeiros da Copel mostram que a lição de casa está sendo bem feita e que o ritmo da atividade econômica do Paraná está crescendo. Estamos preparados para acompanhar a demanda de energia crescente com plano de investimentos robustos e gestão financeira enxuta”.

Em março a Copel inaugurou a subestação de energia Bituruna, no Centro-Sul do Estado. A nova unidade é resultado de investimentos de R$ 40 milhões e beneficia diretamente 60 mil pessoas dos municípios de Bituruna e Cruz Machado e, no futuro, parte de Porto Vitória e Pinhão.

Relacionadas

NOVO CAGED

Guarapuava tem saldo de empregos positivo pelo 5º mês consecutivo

MELHORIA NO ATENDIMENTO

Para vender mais é preciso ter atitude, diz palestrante

PRODUTIVIDADE

Após melhorias, Portos do Paraná alcançam quase 100% de ocupação

Comentários